Intro AD

O Exorcismo do Demônio da Morte!



Hoje, mais do que nunca, o demônio age no mundo, agindo não só diretamente na vida do homem, mas buscando a destruição da vida humana, por meio de sua infiltração na estrutura governamental e social, buscando a criação de leis que negam a vida e os princípios éticos cristãos.






Irmãos, peço a gentileza de assistir ao vídeo do comentário do Evangelho deste Domingo, e meditar ainda mais sobre o assunto. Na verdade não falei muito sobre o Evangelho do dia, mas falei muito sobre o Evangelho da Vida, e meditei sobre a figura de Maria, Nossa Senhora de Guadalupe, que veio nestas aparições como uma grávida, para nos mostrar o verdadeiro valor da vida e, sobretudo, nos ensinar como colocar Jesus no centro de nossas vidas.

O demônio sabe muito bem que quando ele consegue destruir uma vida e esta, por sua vez, é arrancada em pedaços do útero materno de uma mulher, sabendo ela ou não, ela está sendo influenciada pelo demônio, o pai da mentira e da morte, que lhe sugere a resolução de todos os seus problemas com o esquartejamento silencioso e horrendo de seu filho no seu seio assassino, entao ele, o demônio, sabe que fere diretamente a Deus, e profana o seu nome. Contudo, é uma pena que o grande mentiroso se esquece de dizer a consequência e a dor que este ato deixará na consciência e na vida da mulher assassina.

Infelizmente, vemos aqui na América Latina, o desenrolar deste grande projeto abortista internacional, encabeçado pela ONU, em nome da Nova Ordem Mundial, para iniciar a implantação da morte silenciosa nas terras de Santa Cruz, como a maior arma da profanação do demônio contra Deus, eliminando a vida criada à imagem e semelhança de Deus, amada por Deus no seio de uma mulher.

O grande Papa Paulo VI em uma alocução na Praça de São Pedro, em 1974, afirmou: “ O demônio existe não só como símbolo do mal, mas como realidade física”. No ano seguinte e perante correntes teológicas que colocavam esta crença no domínio do simbólico, o Papa Paulo VI afirmava: “"(...) o demônio é um ente, uma realidade e todo aquele que nega está fora da doutrina católica, quem se negar a reconhecer a sua existência e quem o explica como uma pseudo-realidade, uma personificação conceptual e fantástica das causas desconhecidas das nossas desgraças, coloca-se fora do quadro do ensino bíblico e eclesiástico”.

Irmãos, o demônio existe, e ele trabalha muito para ceifar as vidas no silêncio da dor e do desespero de muitas jovens adolescentes que, grávidas de forma inesperada, recorrem à morte de seus filhos, por acreditarem que ninguém as ajudarão ou nao receberão palavras de incentivo.

Como seria bom se nós nos uníssemos e criássemos centros pró-vidas ou nos uníssemos aos centros pró-vidas existentes... Como seria bom se nós nos colocássemos no trabalho voluntário a fim de irmos ao encontro dessas jovens e mulheres que estão dispostas a matar seus filhos no seu seio... Como seria bom se, em vez de gastarmos o nosso dinheiro neste Natal com presentes supérfluos, o gastássemos na promoção dos centros pró-vidas, que no silêncio, salvam mais de 2 mil vidas por ano (cada um)... Como seria bom se nós tirássemos ao menos um dia por mês para o trabalho voluntário da salvação da vida, o dom de Deus... Como seria bom, não acham?

Irmãos, podemos nos mexer, e dar neste Natal um grande presente a Jesus: A salvação de muitas vidas. Se nos engajarmos na ajuda compromissada com a nossa oração, com o nosso serviço voluntário atento as necessidades dos movimentos pró-vidas, este sim seria o nosso grande exorcismo contra o demônio da morte, que quer o derramamento de sangue inocente dos nossos nascituros.

Irmãos, peço a gentileza de assistir ao vídeo do comentário do Evangelho deste Domingo, e meditar ainda mais sobre o assunto. Na verdade não falei muito sobre o Evangelho do dia, mas falei muito sobre o Evangelho da Vida, e meditei sobre a figura de Maria, Nossa Senhora de Guadalupe, que veio nestas aparições como uma grávida, para nos mostrar o verdadeiro valor da vida e, sobretudo, nos ensinar como colocar Jesus no centro de nossas vidas. Peçamos hoje a intercessão de Nossa Senhora de Guadalupe para que Ela esmague a cabeça do demônio, que quer a morte dos filhos de Deus, dos nossos nascituros.

Nossa Senhora queremos neste dia consagrar ao teu Imaculado Coração, todos os movimentos Pró-vidas, todos os nossos nascituros, a nossa família, a nossa vida, todos os bebês não nascidos que ainda estão no coração de Deus, todos aqueles milhões de bebês que foram abortados, os seus pais que lhes ceifaram a vida, os óvulos fecundados que são descartados no lixo pelos laboratórios de fertilidade e reprodução humana.

Nossa Senhora, tu que és a Rainha da Paz, faz de nós Arautos do Evangelho da Vida, que trás a paz, profetas de Deus, discípulos do Senhor, embaixadores da paz e da vida, mesmo que para alcançá-la o nosso sangue se derrame com o sangue de Jesus, para a libertação do sangue inocente derramado das vítimas da cultura de morte e das clínicas abortistas.

Nossa Senhora de Guadalupe, livra-nos da maldição do Aborto, e nos dê a vida nova que trouxestes em teu ventre: Jesus!. Amém!!!
"Que o Senhor que é rico em Misericórdia te abençoe: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém!"

Permaneçamos Unidos em Oração com Maria!
Um fraterno abraço em Cristo Jesus!

Pe. Mateus Maria, FMDJ
Prior do Mosteiro Menino Jesus

paniejezuufamtobie@terra.com.br
Site oficial: http://www.mosteiroreginapacis.org.br/
Blog de Nossa Senhora: http://nossasenhorademedjugorje.blogspot.com/
Twitter: http://twitter.com/Mosteiro_Gospa
Comentário do Evangelho de Domingo: http://www.youtube.com/user/DeiVerbum1
Facebook: Mateus Maria
Panie Jezu Ufam Tobie!
Posted in: Aborto,Comentário do evangelho,Nova Ordem Mundial,Pró-vida




FONT:


http://nossasenhorademedjugorje.blogspot.com/2010/12/o-exorcismo-do-demonio-da-morte.html
O Exorcismo do Demônio da Morte! O Exorcismo do Demônio da Morte! Reviewed by cristãos atitude on 17:14 Rating: 5

Um comentário

  1. OS SUCESSORES DE HERODES CONTINUAM SUA MACABRA MISSÃO...
    Ele foi, de fato, um rei muito poderoso e influente, por manter cativos fiéis seguidores até hoje. Ele tencionava matar a Jesus: fê-lo trucidando milhares de crianças em seu lugar, subtendendo que estaria dentre elas, à época, abaixo de 2 anos. Em pleno século XXI Herodes capta numerosíssimos discípulos, vinculados a seu espírito satânico, em nome e lugar de quem praticam, promovem o aborto ou votam em candidatos ou partidos socialistas ou comunistas – piores os possuidores de militância ativa – que implantam leis homicidas com o aval de seus eleitores, como a do aborto e outras anti ético-morais cristãs.
    Nem os animais jamais ingerem seus ovos ou abortam os filhotes.
    Assim sendo, todas as crianças sacrificadas nos abatedouros, matadouros ou clínicas de aborto, esses colaboracionistas têem suas digitais impressas no sangue derramado de cada uma delas proveniente desses fratricídios praticados; são excluídos da Igreja por grave apostasia, não podendo inclusive receber validamente os sacramentos, transformando-se em mortos espirituais, defuntos ambulantes.
    O pior, no Juízo Final serão duramente interpelados de co-participação em cada um desses assassinatos. Já possuímos tantos pecados pessoais, adicionaremos ainda mais homicídios, propositamente? Poderíamos evitá-los não avalizando tais procedimentos, acrescendo milhares de gravíssimos pecados ainda mais ao nosso já sujíssimo currículo existencial como católicos, provando-o os muitos envolvidos em injustiças.
    A não ser que a pessoa, após infortunada existência, maldita vida, queira ser recebido por Satanás e ouvir dele: obrigado, comparsa, tome posse do reino do inferno; é todo seu, precipitando-o adentro para sempre, daí sugerindo a pergunta: disporia-se você a correr tal risco?

    Por outro lado, convém melhor se esclarecerem as mulheres no risco a que se expõem em uso de pílulas contraceptivas em relacionamentos conjugais, podendo oportunizar a existência de "abortos ocultos", pela ação anticoncepcional ser impedida a fixação do óvulo já fecundado, sendo expelido; pior ainda as pílulas abortivas "do dia seguinte", incidindo igualmente no anterior.

    Aliás, ao acaso os abortistas apreciariam ser mortos no leito quando adormecidos, devidamente amordaçados, sem a menor possibilidade de reação, sendo aos poucos retalhados em partes até à consumação final do frio assassinato, urrando de dor e muito mais, surpresos com o fato àquela hora, talvez, com o remorso por agido por subversão financeira de outrem que os usou como fantoches para interesses escusos?
    E mais: se o abortista acima relatado ainda à hora tiver a visão de Satanás lhe dizendo: aguente firme, daqui a pouco estará comigo…

    ResponderExcluir