Pedro, a Rocha. (Parte I)






  • Esta é mais uma matéria Sobre Pedro. É com “grande freqüência” que estou postando matérias sobre Pedro, é que estou fazendo uma série de matérias e postando aos poucos, devido a falta de tempo para fazer uma maior.
  • Mas já foram (minhas próprias, fora as de outros autores):
  • Pedro Simples Presbítero? (Que será também depois completada na refutação a um protestante que colocarei aqui outro dia.)
  • Pedro foi bispo de Roma! Testemunhos Primitivos.
  • E agora esta aqui, fundamentando Pedro como a Rocha de Mateus 16, 18, onde vamos analisar 3 fontes: Idiomática e Bíblica (juntas) e Patrística na Parte II.
  • Um aviso aos neófitos protestantes. Se quiserem se meter a refutar esta matéria, o faça no mesmo nível dela, com argumentações, em grego, aramaico, bíblicas e patrísticas todas em harmonia entre si, caso contrário todos os delírios serão ignorados.
  • Então vamos lá.
  • IDIOMÁTICA E BÍBLICA
  • Em Aramaico temos duas palavras para designar materiais rochosos:
  • 1º  Evna = Pedra
  • 2º Kepha  כף (ou cefas, transliterado para o grego) =  Rocha
  • Em Grego, assim como o aramaico, temos também 2 palavras:
  • 1º Lithos (λίθος), = Pedra pequena
  • 2º Petra (πέτρ ) = Rocha maciça, Pedra Grande (que é o equivalente de Kepha)
  • A Bíblia nos diz que Jesus deu um nome novo a um pescador que se chamava Simão e este nome foi “KEPHA” (Aramaico) e transliterado como “cefas”,  que no grego ficou “Petrus”, como podemos ver em João 1, 42:
  • “Levou-o a Jesus, e Jesus, fixando nele o olhar, disse: Tu és Simão, filho de Jonas, serás chamado Cefas (que quer dizer Pedro).” (Negrito meu)
  • Em aramaico não temos gênero, mas em grego sim, por isso a palavra Petra que é o equivalente a KEPHA (cefas) foi masculinizada para dar nome a um homem, Petrus, mas o significado permaneceu o mesmo (Rocha ou pedra grande) como é atestado nos seguintes Léxicos protestantes:
  • CONCORDÂNCIA STRONG
  • 4074 πετρος Petros Pedro = “uma rocha ou uma pedra”
  • 1) um dos doze discípulos de Jesus
  •  FRIBERG, ANALYTICAL GREEK LEXICON
  • “Πέτρος, ου,  Pedro, nome próprio masculino dado como um título descritivo para Simão, um dos apóstolos (MK 3.16), o significado do nome, a pedra, é provavelmente o equivalente grego de uma palavra aramaica transliterada como Κηφς (João 1,42 )”
  • THAYER, GREEK LEXICON OF NT
  • ΠέτροςΠέτρου – um nome próprio apelativo, o que significa “uma pedra”, “uma rocha,” “rochedo “”.
  • Em português a diferença entre Pedro e Pedra não permite acentuar a força do original aramaico e grego que é a mesma palavra que designa a materialidade da rocha.
  •  A CONCORDÂNCIA STRONG, que é tão utilizada pelos protestantes brasileiros, diz que Cefas ou Kepha é Rocha, leiam:
  •  “03710 כף (keph)
  • Procedente de 3721, grego 2786 κηφας (cefas); DITAT – 1017; n m
  • 1) rocha, cavidade duma rocha” (o parênteses em vermelho foi  adicionado por mim)
  • Os próprios protestantes em seus léxicos confirmam que o nome de Pedro Significa “ROCHA” ou “PEDRA”.
  •  Mais algumas passagens com o nome de “Cefas”.
  •  1Co 1:12 Quero dizer com isto, que cada um de vós diz: Eu sou de Paulo, e eu de Apolo, e eu de Cefas, e eu de Cristo.
  • 1Co 3:22 Seja Paulo, seja Apolo, seja Cefas, seja o mundo, seja a vida, seja a morte, seja o presente, seja o futuro; tudo é vosso,
  • 1Co 9:5 Não temos nós direito de levar conosco uma esposa crente, como também os demais apóstolos, e os irmãos do Senhor, e Cefas?
  • 1Co 15:5 E que foi visto por Cefas, e depois pelos doze.
  • Gal 2:9 E conhecendo Tiago, Cefas e João, que eram considerados como as colunas, a graça que me havia sido dada, deram-nos as destras, em comunhão comigo e com Barnabé, para que nós fôssemos aos gentios, e eles à circuncisão;
  •  Refutando Algumas objeções dos que dizem que:
  • 1 º O significado do nome de Petrus é Pedregulho.
  • Não existe nenhum prova para isto, até por que no NT Petrus só é designado para Pedro. E para nada mais.
  • 2º O significado do nome Petrus é pequena pedra para arremessar.
  • Isso não existe no grego Koiné. No Grego Koiné usa-se a palavra “lithos” para significar “uma pedrinha ou uma pedra para arremessar” como podemos constatar no caso da mulher adúltera (João 8, 7) ou de Jesus (João 8, 59).
  • João 8, 7 Ὡς δὲ ἐπέμενον ἐρωτῶντες αὐτόν, ἀνακύψας εἶπεν πρὸς αὐτούς, Ὁ ἀναμάρτητος ὑμῶν, πρῶτον ἐπ᾽ αὐτὴν τὸν λίθον βαλέτω.
  • Tradução: “Como insistissem na pergunta, Jesus se levantou e lhes disse: Aquele que dentre vós estiver sem pecado seja o primeiro que lhe atire pedra.
  • John 8:59 Ἦραν οὖν λίθους ἵνα βάλωσιν ἐπ᾽ αὐτόν· Ἰησοῦς δὲ ἐκρύβη, καὶ ἐξῆλθεν ἐκ τοῦ ἱεροῦ, διελθὼν διὰ μέσου αὐτῶν·
  • Tradução: “Então pegaram em pedras para lhe atirarem; mas Jesus ocultou-se, e saiu do templo, passando pelo meio deles, e assim se retirou.”
  • Pedra de arremesso nunca foi nem será Petrus.
  • E para azar e confusão na cabeça dos protestantes que sustentam esta mesma idéia Jesus em 1 Pedro 2,4 é chamado de “Lithos” a mesma palavra em gênero, número, grau e declinação que foi usada para a Pedra de arremesso da adúltera e das pedras jogadas em Jesus.
  • 1 Pd 2:4 “πρὸς ὃν προσερχόμενοι λίθον ζῶντα ὑπὸ ἀνθρώπων μὲν ἀποδεδοκιμασμένον παρὰ δὲ θεῷ ἐκλεκτὸν ἔντιμον..”
  • Tradução “Chegando-vos para ele, a pedra que vive, rejeitada, sim, pelos homens, mas para com Deus eleita e preciosa…”
  • Seria também Jesus uma pequena pedrinha de arremesso? E não a grande Rocha da Salvação?
  • Gostaria de ver algum protestante respondendo isto!
  • 3º O significado do nome Petrus é pequena pedra igual as demais como citado em sua epistola.  
  • Não existem bases ou sustentações para afirmar que “Petrus” significa “pedra pequena” porque para isto a Bíblia utiliza outra palavra (lithos ou lithon) como foi mostrado.
  • E vejam:
  • 1 Pd 2:5 καὶ αὐτοὶ ὡς λίθοι ζῶντες οἰκοδομεῖσθε οἶκος πνευματικός, ἱεράτευμα ἅγιον, ἀνενέγκαι πνευματικὰς θυσίας εὐπροσδέκτους τῷ θεῷ διὰ Ἰησοῦ χριστοῦ.
  • Tradução: Vós também, como pedras vivas, sois edificados casa espiritual e sacerdócio santo, para oferecer sacrifícios espirituais agradáveis a Deus por Jesus Cristo.
  • Ou seja, a palavra “Lithos” que é usada para Jesus em 1 Pd 2, 4 se referindo a Jesus é novamente utilizada em grau e gênero para os demais Cristãos em 1 Pd 2, 5.
  • E ainda aparecem protestante vindo dizer que a rocha ou Pedra só pode ser utilizada para Jesus.
  • Em outras passagens Jesus também é chamado de PETRA, assim como Pedro. Mas isso não tira a magnitude de Jesus como rocha da Salvação, nem da função de Pedro como Rocha da Unidade da Igreja.
  • Penso que por aqui já basta a explanação sobre o nome de Pedro, agora vamos a linda passagem do evangelho de Mateus que é o foco desta matéria.
  • Em Mateus 16, 18 lemos:
  • “Também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela.”
  • Em Grego:
  • “κἀγὼ δέ σοι λέγω ὅτι σὺ εἶ Πέτρος, κα π ταύτ τ πέτρ οἰκοδομήσω μου τὴν ἐκκλησίαν καὶ πύλαι ᾅδου οὐ κατισχύσουσιν αὐτῆς.
  • Vejamos em aramaico este trecho em negrito na Bíblia Peshita (Tradução do grego para o aramaico do século V)
  • (lê se da direita pra esquerda)
  • Veja que não há diferença entre a rocha (em aramaico) e o nome de Pedro (em aramaico).
  • Agora analisaremos duas palavras em especial.
  • Voltemos ao grego de Mateus 16, 18:
  • “κἀγὼ δέ σοι λέγω ὅτι σὺ εἶ Πέτρος, κα π ταύτ τ πέτρ οἰκοδομήσω μου τὴν ἐκκλησίαν καὶ πύλαι ᾅδου οὐ κατισχύσουσιν αὐτῆς.
  • Note as duas palavras em vermelho que são ταύτ τ   que quase todas as traduções (católicas e protestantes) traduzem simplesmente por esta”.
  • Vamos fazer uma analise:
  • ταύτ  (tauth) é o dativo feminino de οτος (outós) e sua tradução simples é “esta”. E serve para dar ênfase a algo previamente mencionado.
  • τ (th) é também o dativo feminino e  (o)  e é o artigo da frase ou seja sua tradução é “a”.
  • Estas duas palavras juntas  ταύτ  + τ,  tem o sentido ou tradução de “esta mesma”, “esta própria”.
  • Então juntando o nome de Pedro que foi previamente confirmado como ROCHA, e PETRA que também foi confirmada como ROCHA, pelos léxicos protestantes, podemos traduzir Mateus 16, 18 da seguinte forma:
  • “TU ÉS ROCHA E SOBRE ESTA MESMA ROCHA, EU EDIFICAREI A MINHA IGREJA.”
  • A pergunta que todo protestante faria ao ver isto “então por que as traduções católicas não traduzem assim?”
  • A Resposta : Por que o artigo, no grego, depois de um pronome demonstrativo não precisa ser traduzido já é sub-entendido, então se traduz somente o “esta” na maioria das vezes, mas o sentido continua o mesmo.
  • Além disso São Jerônimo traduziu  para o Latim da seguinte forma “HANC PETRAM” ou seja “Esta mesma Rocha“.
  • HANC no latim tem o sentido próprio de “esta mesma”, “esta própria” assim como ταύτ  + τ no grego. São Jerônimo, como falava fluentemente o grego Koiné, sabia muito bem o sentido real da passagem, quando ele trauziu a vulgata o grego Koiné ainda era “Vivo”.
  • E agora para o desespero de protestantes que apesar de tudo o que aqui foi demonstrado até agora ainda estejam duvidando, vou usar a própria bíblia João Almeida para provar que ταύτ  + τ tem o sentido e também tradução de “esta mesma”, apesar da maioria das passagens que contém estas duas palavras os tradutores não traduzam assim, por que já está implícito. Vou pegar aqui 1 passagem que a própria João Almeida confirma o que eu estou dizendo.
  • Antes que algum protestante venha com conversinha de versão da bíblia João Almeida, estou utilizando aqui 4 versões da mesma que traduzem a passagem do mesmo jeito em todas.
  • Vejamos em Atos 27, 23:
  • Grego:
  •  Atos 2723  παρέστη γάρ μοι ταύτ τ νυκτὶ τοῦ θεοῦ, οὗ εἰμι [ἐγώ] ᾧ καὶ λατρεύω, ἄγγελος
  • João Almeida
  • Atos 27, 23 Porque esta mesma noite o anjo de Deus, de quem eu sou, e a quem sirvo, esteve comigo.
  • Podem conferir ai no grego e em suas bíblias.
  • Ai vai vim um protestante me dizer que viu em sua bíblia as palavras “esta mesma” e no grego não estavam escritas como ταύτ τ.  
  •  Como eu já disse  ταύτ e τ estão no dativo, declinadas, ou seja conjugadas. No português só temos conjugação para verbos na maioria das vezes, mas no grego não, acontece também com pronomes e substantivos, as palavras “esta mesma” podem ser encontradas também desta forma ταύτην τν, onde ταύτην equivale a ταύτ τνequivale a τ.  Onde não há nenhuma diferença entre as mesmas, apenas a declinação.
  • Portanto podemos dizer com clareza a quem quiser ouvir, PEDRO É A ROCHA.
  •  “TU ÉS ROCHA E SOBRE ESTA MESMA ROCHA, EU EDIFICAREI A MINHA IGREJA.”
  •  Na parte II desta matéria veremos os  vários testemunhos patrísticos a respeito disso.
  • Bibliografia Utilizada:
  • 1 -  Malzoni, Cláudio Vianney, 25 Lições de Iniciação ao Grego do novo testamento/ Cláudio Vianney Malzoni. – 1. Ed. – São Paulo: Paulinas, 2009 (Coleção Línguas Bíblicas).
  • 2 – Dicionário de Grego do Novo Testamento / Carlo Rusconi; [Tradução Rabuske] – São Paulo : Paulus 2003. – (Dicionários)
  • 3 –Strong, James –  Exaustiva Concordância –  Léxico Hebraico, Aramaico e Grego de Strong.  Sociedade Bíblica do Brasil, São Paulo : Sociedade Bíblica do Brasil 2002.
  • 4 – Friberg, Analytical Greek Lexicon.
  •  5 – Thayer, Greek Lexicon Of Nt.

  • font:  http://sadoutrina.wordpress.com/2011/08/25/pedro-a-rocha-parte-i/

Pedro, a Rocha. (Parte I) Pedro, a Rocha. (Parte I) Reviewed by cristãos atitude on 21:21 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.